Imprimir  

Os Mentores Como Agentes de Mudança

Os projectos de desenvolvimento da Dale Carnegie têm sempre como objectivo a mudança de comportamento no posto de trabalho (Nível 3 Kirkpatrick). Nesse sentido, são sempre projectadas metodologias complementares à tradicional formação em sala. Uma das que registamos sempre grande impacto é quando definimos modelos de tutoring ou mentoring.
 
Um dos factores que potencia a transferência de conhecimento em sala para o posto de trabalho é o aumento da auto-confiança e consequente capacidade de tomada de decisão dos colaboradores afectos aos projectos de desenvolvimento. Este processo pode ser muito facilitado com a criação da figura de mentores/tutores. Estes, devem ser pessoas com muita experiência e conhecimento, e que sejam reconhecidos pelos outros como alguém capaz de aportar grande valor. Um dos exemplos da mais valia deste modelo é nos projectos de desenvolvimento de Liderança para novas chefias. Estas, vivem momentos de alguma insegurança e incerteza na fase inicial quando assumem esta nova responsabilidade, pelo quando temos alguém que os ajuda na aplicação dos conhecimentos interiorizados em sala no seu contexto de trabalho, conseguimos a mudança comportamental de uma forma mais rápida e consistente. É importante que os tutores tenham competências que os possibilitem fazer esse acompanhamento, pelo que o projecto começa muitas vezes com o desenvolvimento dos próprios tutores.
 
 
 
(comentário Pedro Monteiro em 18.06.2012)
 
 
 
 
 

Voltar

 
 

Rua Sousa Aroso, 556, 4o esq/4o esq Tr., Matosinhos, 4450-287, PT
P:+351 22 939 67 00

Siga-nos online
 

 
© 2017 Dale Carnegie & Associates, Inc..
Todos os Direitos Reservados
 
.
projecto de site e desenvolvimento por Americaneagle.com